QpQ Resenha | Vingadores: Era de Ultron

"Vingadores: Era de Ultron" é maior e melhor do que o primeiro filme

Alguns anos atrás, realizar Vingadores seria uma tarefa impossível. Unir quatro protagonistas de franquias diferentes baseadas em quadrinhos e vários coadjuvantes que transitam entre elas, mais alguns vilões, e ainda fazer com que os não iniciados em quadrinhos entendessem o que viam parecia realmente inalcançável.

Joss Whedon o fez com maestria pela primeira vez em 2012 no primeiro Vingadores e o faz agora deixando a tarefa com uma certa leveza que a pressão imposta no primeiro filme não deixava transparecer. Esta continuação faz seu antecessor parecer uma produção de estagiários, em comparação.

01Vingadores2

A trama está mais sombria, como é inevitável na medida em que a trama avança nessas histórias. A interação entre os personagens ainda solta aquelas faíscas vistas no primeiro filme e a construção dessas interações está muito bem realizada ao longo dos filmes e anos que separam o primeiro do segundo longa.

A ação e a ameaça se tornam globais e a opção por um vilão como Ultron mostra que as escolhas do estúdio não beiram o óbvio. E a troca de criador do personagem (que nos quadrinhos foi criado pelo Homem-Formiga, que ganha seu primeiro filme em julho) para o Homem de Ferro, cria as amarras perfeitas para o que virá a acontecer nos próximos filmes do conciso Universo Cinematográfico Marvel.

02Vingadores2

Era de Ultron poderia ser apenas explosões, ação e drama, mas a mão de Joss Whedon com os personagens é a cola que o filme precisa para unir tudo isto. Ele traz diferentes nuances para os personagens mesmo em meio às cenas de ação e desenha diversas relações e paralelos entre eles, aproveitando o elenco estrelar que tem em mãos.

Maior e mais obscuro do que estamos acostumados nos filmes da Marvel, o filme não é uma exata adaptação da Graphic Novel na qual se baseia, mas isso não o estraga e, sim, o torna mais consistente. O elenco e equipe o tornam mais carismático e redefinem a escala do que podemos esperar dos épicos de super-herois, mais uma vez.

03Vingadores2

Que venha Homem-Formiga e Capiṭo Am̩rica РA Guerra Civil!

Nota:

Please follow and like us:
Sobre Felipe Sclengmann
Era praticamente impossí­vel que o cinema não acabasse sendo minha paixão. Cresci no prédio onde um cinema funcionava, criado por um avô e uma avó que se conheceram trabalhando no ramo. Então, tá explicado! Falar sobre cinema é um hobbie, uma paixão, tá no meu sangue! Este é o motivo do Quadro por Quadro existir (além de aplicar os conhecimentos de uma graduação em Sistemas de Informação, a qual detesto) e ele está aí para reunir quem também ama esta arte.