QpQ Pipoca Nerd | Especulações sobre “Animais Fantásticos e Onde Habitam”

Teoria sugere ligação mais profunda de "Animais Fantásticos" com "Harry Potter"

[ALERTA DE SPOILER]
ESTE TEXTO CONTÉM SPOILERS, CASO NÃO TENHA VISTO O FILME VOLTE DEPOIS
[ALERTA DE SPOILER]

gif-hagrid

J.K. Rowling ficou famosa por não deixar pontas soltas na franquia Harry Potter e por saciar a curiosidade dos fãs com seus textos extras no site Pottermore. Por isso é tão divertido ver a história de Animais Fantásticos e Onde Habitam tomar forma de uma maneira que ainda é tão criativa, mesmo com tudo que sabemos sobre o universo bruxo até aqui.

Protagonizado pelo magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne, de A Garota Dinamarquesa), durante uma viagem a Nova Iorque alguns dos animais de sua maleta acabam fugindo, mas a história contada no primeiro longa (de cinco) é muito mais complexa e guarda uma relação que parece diretamente ligada com a história já conhecida dos livros e filmes de Harry Potter.

Um dos conceitos explorados por Rowling no filme são os Obscurus, uma espécie de força mágica das trevas que funciona como um parasita. Ela se desenvolve em um bruxo quando ele ou ela tem que reprimir sua magia, física ou psicologicamente. Quando um Obscurial (quem é o hospedeiro deste parasita) perde o controle, o Obscurus acaba se manifestando como uma espécie de nuvem negra, não-corpórea, com grandes poderes destrutivos e até letais para quem está por perto e também para o Obscurial.

Até aqui, o conceito era desconhecido dos fãs e não havia ganhado nenhuma menção em outra obra de Rowling do universo bruxo – nem mesmo no livro-texto didático Animais Fantásticos e Onde Habitam, “escrito” por Newt e lançado por Rowling no começo dos anos 2000. Mas há indícios de que a autora já havia pensado em sua existência quando do lançamento do livro-texto.

A equipe do ScreenCrush junto com Jackson Bird, conversou sobre uma elaborada teoria que remete a existência dos Obscurus na época de Newt e também mostra uma conexão direta com a história já apresentada de Gerardo Grindelwald e a família Dumbledore em Harry Potter e as Relíquias da Morte, com mais precisão, em relação à história de Ariana (irmã mais nova do ex-diretor).

A maior evidência de que os Obscurus já “existiam” (na imaginação de Rowling, ao menos) é bem simples; a editora bruxa que é responsável pelo lançamento do livro texto chama-se Obscurus Books, e é dito no prólogo do livro que ela existe desde 1926, mesmo ano em que o filme se passa, no Beco Diagonal, em Londres.

obscuruslogo

A segunda evidência, menos perceptível, mas muito provável, sugere que Ariana Dumbledore, seria uma Obscurial, e foi isso que levou a sua morte, tão comentada do último Harry Potter. Aberforth Dumbledore assim descreve Ariana, em Harry Potter e as Relíquias da Morte:

“O que eles fizeram destruiu Ariana: ela nunca mais voltou ao normal. Não queria usar magia, mas tampouco conseguia se livrar dela: o seu poder voltou-se para dentro e a enlouqueceu, irrompia dela quando não conseguia controlá-lo, e por vezes ela se tornava estranha e perigosa. Mas a maior parte do tempo era meiga, assustada e inofensiva.”

arianadumbledore

Quando Ariana tinha seis anos de idade, ela foi atacada por um grupo de vizinhos trouxas, que a viram produzindo feitiços no quintal de casa e se assustaram. O trauma fez com que sua magia ficasse incontrolável, e em seus acessos de raiva, sua magia extrapolava em explosões – uma dessas que, aos seus 14 anos, causou a morte de sua mãe. No mesmo ano, ela tentou interceder em um duelo entre Alvo, Abeforth e Gerardo Grindelwald (personagem atualmente vivido por Johnny Depp), e foi morta no meio do “fogo cruzado”, acidentalmente.

Olhando pela descrição dada no livro e as características da sua magia, tudo parece casar com o que vimos acontecer com o personagem Credence Barebone (Ezra Miller), de Animais Fantásticos. Ele também sofre um tipo de repressão por sua mãe adotiva (Samatha Morton), e vive em um ambiente que não é nada saudável para um bruxo em crescimento.

creedence

Caso a teoria de Ariana realmente ter sido uma Obscurial, esta pode ser a razão pela qual Grindelwald estava tão interessado no Obscurus desde o princípio – a garota teria sido o primeiro contato que ele teve com o conceito. Agora qual o real interesse do bruxo das trevas neste tipo de magia negra, só descobriremos ao longo dos outros quatro filmes.

Animais Fantásticos e Onde Habitam 2, ainda sem título oficial, deve chegar aos cinemas somente em novembro de 2018. O primeiro longa chegou aos cinemas no último dia 17 de novembro (leia a crítica aqui).

Please follow and like us:
Sobre Felipe Sclengmann
Era praticamente impossí­vel que o cinema não acabasse sendo minha paixão. Cresci no prédio onde um cinema funcionava, criado por um avô e uma avó que se conheceram trabalhando no ramo. Então, tá explicado! Falar sobre cinema é um hobbie, uma paixão, tá no meu sangue! Este é o motivo do Quadro por Quadro existir (além de aplicar os conhecimentos de uma graduação em Sistemas de Informação, a qual detesto) e ele está aí para reunir quem também ama esta arte.