QpQ Resenha | Viaduc

"Viaduc" acompanha um pichador e seus sentimentos sobre família, relacionamentos e adolescência

Quando Viaduc, um curta de pouco mais de 15 minutos, começa, você não tem certeza do que sentir. Esse moleque vai se dependurar do viaduto pra pichar? Sério? E o curta brinca com este sentimento, e nos faz ficar preocupados: será que o moleque vai cair dali? Será que vai ser pego pela polícia? E por uns bons minutos ficamos em uma tensão sem fim.

Mas rapidamente você descobre que o curta não é sobre pichações em grandes cidades e suas consequências, é sobre família, relacionamentos, adolescência, formas diferentes de lidar com sentimentos. E como podemos nos sentir sós em meio a muitas pessoas.

Destaque para o ótimo trabalho de câmera e edição rápida, principalmente nos cinco minutos iniciais.

Nota:

Please follow and like us:
Sobre Melissa Correa
Cinema sempre foi minha maior paixão, sempre fez parte de quem eu sou. Quando criança, eu levantava pra ver filmes de terror de madrugada, escondida. Ficava até três da matina (bendito fuso horário de Los Angeles!!) pra acompanhar o Oscar. E salvava cada centavinho pra ver os filmes no cinema. Hoje também curto viajar, beber café e ler, mas o cinema continua em primeiro lugar na minha vida.