QpQ Resenha | Aconteceu Perto da Sua Casa

“Aconteceu Perto da Sua Casa”: o premiado, cult e violento filme belga

Aconteceu Perto da Sua Casa é um documentário fictício de humor macabro que contém muitas cenas de violência e chegou a sofrer cortes de cenas para sua estreia em alguns países. É importante ressaltar esta questão na primeira frase da resenha, para que desavisados que não gostam de cenas violentas preparem-se para assisti-lo ou escolham outra obra.

O filme, lançado em 1992, foi produzido originalmente como trabalho final de graduação em Cinema de seu diretor e ator, Rémy Belvaux, e faz uma paródia de um programa de televisão belga que apresentava documentários.

No falso documentário uma equipe de cineastas independentes acompanha a vida do ladrão e assassino em série Ben, que é interpretado de forma magistral por Benoît Poelvoorde. Os principais personagens têm os mesmos nomes de seus atores: Poelvoorde como Benoit Patard, Rémy Belvaux interpretando o jornalista Rémy e André Bonzel (diretor de fotografia do filme) como o câmera André. O filme de baixo orçamento contou com atuações de pessoas da família de Poelvoorde, tais como a de sua mãe, que durante as filmagens achava que se tratava de um documentário real sobre o filho.

Ben é um assassino simpático e encara a vida de crimes como uma profissão. Ele apresenta à equipe de filmagem sua família, seus amigos e seu “ofício” de matar de forma aleatória e extremamente cruel. Em meio a apresentações, assassinatos cruéis e ocultações de cadáveres Ben recita poemas, fala sobre cinema e arquitetura. Os membros da equipe, liderados por Rémy, inicialmente assistem a tudo de forma passiva, porém, no decorrer do documentário se envolvem cada vez mais com Ben, tornando-se cúmplices ativos nos crimes.

Ver este filme com os olhos atuais e fatigados da violência no Brasil faz com que o humor macabro não funcione. As cenas de violência começam a cansar e a evidenciar um filme hermético, que não dialoga bem com quem não pertence à Europa e ao período em que foi produzido e lançado.

Nota:

Please follow and like us:
Sobre Ariane Saldanha
Sou campineira, campineira mesmo e não campinense, bióloga e professora. Sou apaixonada por natureza, plantas, gente, livros, filmes, caminhadas e etc. Gostaria de ter mais tempo pra aproveitar as paixões listadas.