Black Mirror – 3ª Temporada

23.10.2016 │ 14:25

23.10.2016 │ 14:25

Nós estamos tão imersos na tecnologia que ás vezes não nos damos conta dos perigos ou do que isso afeta na nossa convivência em sociedade e nos relacionamentos em geral. O mundo digital e as redes sociais criaram um universo paralelo de conquistas, maldades e farsas, onde todo mundo pode se esconder.
bryce-dallas-howard-in-black-mirror-season-3-nosedive
Black Mirror, a série antológica criada por Charlie Brooker e que ganhou força com sua parceria com a Netflix, chegou à terceira temporada com novos temas pesados e assustadores sobre a relação tóxica entre as pessoas e o mundo virtual. Abusando de uma realidade alternativa de futuro ou presente, mas mantendo uma ligação com tudo aquilo que a gente vive, a série se destrava criando histórias únicas sobre situações da vida digital de modo explícito com a pergunta: e se isso acontecesse?
Black Mirror S1 EP5-6
Com seis episódios, Black Mirror atravessa desde um mundo futurista e perfeito onde as pessoas são avaliadas por suas redes sociais e isso vale créditos para elas serem bem sucedidas, até um vírus de uma aba do navegador que abre automaticamente quando você clica para baixar um filme de forma ilegal. Todas essas situações são levadas a relevância narrativa, e é aí que está o diferencial do programa, porque você se identifica de alguma forma.
Black Mirror
A facilidade de uma antologia que é fechada por episódio e não por temporada, é poder ter a liberdade de criar um mini-filme e encerrar o raciocínio com o tema escolhido, passando por gêneros mas mantendo a coesão e a linguagem da série como um todo. Essa organização de produção é dificilmente vista nas séries que já se propuseram a trabalhar dessa forma. Desde a sua estreia com um dos episódios mais controversos e desconfortáveis, Black Mirror se comprometeu com a tecnologia e questiona constantemente sobre o que estamos fazendo e para onde vamos com tantos gadgets e possibilidades de armazenamentos, interações, vídeos, fotos, comentários, likes, etc.
black-mirror-season-3-vivisxn-media-film-netflix-thriller-digital-drama-and-thriller-vivisxn-magazine
Com originalidade e conhecimento do seu produto, a série escolhe novamente um elenco espetacular, principalmente Bryce Dallas Howard, que além de fazer parte de um dos melhores episódios, também interpreta a personagem com mais camadas da série que usa o exagero como comédia de desespero e vergonha. A série, que não possui funcionalidade de maratona, incomoda cada vez mais que você assiste e isso ganha um peso audiovisual que poucas tem, quando a história não é superficial ou tenta humanizar coisas impossíveis. Black Mirror é paranoica, arriscada, emotiva e não promete finais felizes, mas sim a realidade da proliferação de um mundo obscuro através do espelho.
Nota:

[wpdevart_youtube]JG301LECC_s[/wpdevart_youtube]

Você também pode gostar…

Quadro por Quadro