Resenha │ A Última Ressaca do Ano

08.12.2016 │ 10:44

Os cartazes e o trailer de A Última Ressaca do Ano prometem uma comédia natalina de primeira! Ótima ideia, pois faz tempo que não temos algo do gênero que seja incrível!

No filme, os irmãos Clay (T.J. Miller, de Deadpool) e Carol Vanston (Jennifer Aniston, de Friends) estão em pé de guerra, Clay era o preferido do pai, tem bom coração, mas é extremamente irresponsável enquanto administra a filial que era a menina dos olhos do patriarca Vanston. Carol é a irmã estudiosa e insuportável, CEO interina, que pretende ficar no controle de tudo, por isto quer mostrar trabalho. Como a filial que o irmão dirige não teve o lucro esperado, ela ameaça demissões para manter as contas em dia e impressionar o conselho. Visando alcançar a meta antes do final do ano, data imposta pela CEO, o personagem de Miller resolve dar uma festa de arromba para impressionar um cliente (Courtney B. Vance, de O Exterminador do Futuro: Gênesis) e ganhar a conta da empresa que ele representa.
Jason Bateman (Quero Matar Meu Chefe) é Josh, braço direito do filhinho do papai e Olivia Munn (X-Men: Apocalipse) é Tracey, uma programadora que está desenvolvendo uma grande ideia para alavancar a empresa. A festa está formada!

Até aí nada mal, estávamos no caminho do sucesso de bilheteria: Bom elenco, boas ideias, bons ingredientes para boas gargalhadas… Mas, por algum erro de percurso, não é exatamente isto que acontece.
O que poderia ser um novo Se Beber, Não Case! se torna uma verdadeira decepção. No início imaginamos que ainda não ficou engraçado e que já vai ficar, porém nada acontece.

Faltou um bom roteiro que aproveitasse os comediantes de primeira que foram escalados para o longa, faltou criatividade, faltou personagens e cenas mais interessantes. Óbvio que são arrancadas várias risadas da plateia e que quem gosta do gênero e é pouco exigente corre o risco de gostar.
É a quinta colaboração entre Aniston e Bateman nas telonas. Eles já trabalharam em Separados pelo Casamento (2006), Coincidências do Amor (2010), Quero Matar Meu Chefe e sua sequência (2011 e 2014, respectivamente), e quem é fã da dupla deve conferir A Última Ressaca do Ano para tirar suas próprias conclusões.

Para mim, ficou aquela sensação de perda que eu tenho quando assisto um filme esperando um divertimento de primeira e percebo que tudo poderia ser bem melhor se fizessem o que deveriam ter feito. Será que estou esperando mais do que Hollywood pode me apresentar nos dias de hoje? Ou será que já vi tanta comédia que não consigo mais me divertir com piadas tolas? Seja como for, fica o antigo jargão: “Rir é o melhor remédio!”. Quem quiser arriscar, fique à vontade…
Nota:

[wpdevart_youtube]cooFb86GJiQ[/wpdevart_youtube]

A Última Ressaca do Ano

()
País:
Direção:
Roteiro:
Elenco:
Ano:
Duração:

Você também pode gostar…

Quadro por Quadro