Resenha │ Olympia 2016

15.09.2016 │ 07:51

Misturando ficção com documentário, Olympia 2016 é um filme que surpreende pela sua narrativa cheia de camadas.
No filme, Olympia é uma cidade que foi escolhida para receber os jogos olímpicos de 2016, criando uma série de problemas administrativos e sociais. Mergulhada em uma distopia moral e política, a cidade dá voz a temas como corrupção, urbanização e degradação do meio ambiente.
01olympia
Comparado aos filmes nacionais dos últimos anos, Olympia 2016 tem um roteiro inteligente e criativo. A edição também ganha destaque, brincando e dividindo documentário de ficção. Os problemas no filme aparecem principalmente na escolha dos atores e da trilha sonora. Mas mesmo esses deslizes não conseguem tirar o brilho do filme.
A direção é segura e utiliza ícones da cultura pop e clichês de forma proposital. A qualidade da imagem não é das melhores, conferindo um ar de amadorismo ao filme, mas não chega a atrapalhar.
02olympia
Com diálogos diretos e politizados, Olympia 2016 é bastante atual, citando inclusive o atual governo Temer. O destaque do filme fica mesmo é para a cena final. Com um discurso que consegue captar bem o espírito da cultura política brasileira, o filme encerra deixando o público com uma sensação de mal estar.
Nota:

[wpdevart_youtube]1UJWmJSMYNk[/wpdevart_youtube]

Olympia 2016

()
País:
Direção:
Roteiro:
Elenco:
Ano:
Duração:

Você também pode gostar…

  • Leia mais
    Minha Querida Dama
    18.06.2015
  • Leia mais
    A Garota Ocidental - Entre o Coração e a Tradição
    25.06.2017
  • Leia mais
    Visões do Passado
    31.03.2016
Quadro por Quadro