A Matéria Noturna

Onde assistir
"A Matéria Noturna" é um filme diferente do convencional, mas infelizmente não gostei da forma como a história foi contada

Eu gosto de filmes diferentes, sempre que posso tento ver algo fora do padrão Hollywood e claro, às vezes da certo e as vezes não. Filmes acabam sendo muito uma questão de gosto e no caso de A Matéria Noturna o único elemento que me agradou foram as atuações do casal protagonista, ambos estiveram muito bem.

Não acho que a história ou o objetivo do filme tenham ficado claros com a narrativa que foi utilizada, muitas cenas “paradas”, como se os personagens estivessem olhando para o nada. Muitas cenas longas, uma ida de moto daqui até ali foi praticamente transmitida em tempo real, foram minutos em cima daquela moto e sinceramente não consegui ver o motivo disso, não consegui pegar a profundidade do filme ou o que quiseram transmitir com cenas assim.

Poderia ter sido uma história de amor, um romance, algo mais dramático, dentro do que estou acostumado. Enquanto assistia ao filme fui pensando em várias formas da história se desenvolver de uma forma que eu ia gostar dentro do que estava vendo, que iria me aproximar dos personagens e isso foi tudo que consegui pensar ao longo do filme: coisas que gostaria de ver de outra forma. Da forma como foi mostrado ficou tudo muito vazio.

São quase 50 minutos para apresentar os dois personagens, foi lento e cansativo demais e esse tempo todo não conseguiu me envolver, me aproximar dos personagens. E depois o ritmo do filme muda e parece que estão juntos há meses, não tem como saber quanto tempo passou de um momento para o outro, tudo ficou muito vago e o que poderia ter sido um romance ficou parecendo uma daquelas noites com sexo casual, saiu, conheceu alguém, se relacionou e tchau.

Infelizmente não gostei e 90% disso se deve ao fato de não ter entendido o objetivo do filme, de ter sido cansativo acompanhar partes da história de ambos.

Você também pode gostar...