A Morte de J.P. Cuenca

30.06.2016 │ 07:59

30.06.2016 │ 07:59

João Paulo Cuenca é considerado um dos melhores escritores da sua geração, reconhecido internacionalmente. Entretanto, o talento literário não se expandiu para o campo cinematográfico. Cuenca escreve bem, mas dirige mais ou menos.
01AMortedeJPCuenca
A história do filme é bastante interessante. Anos atrás Cuenca descobriu que alguém apresentou um cadáver usando o seu nome, sendo então, considerado morto. A experiência bizarra garantiu inspiração para o filme.
A Morte de J.P. Cuenca possui um misto de imagens plásticas com imagens estranhas, enquadramentos sérios com movimentos de zoom incrivelmente horríveis. O filme mistura o clima de mistério com atuações cômicas, proporcionando um ar caricato e muito fantasioso para a história.
02AMortedeJPCuenca
O melhor do filme são os personagens de suporte. As atuações são melhores da que a de Cuenca. Apesar disso, Cuenca deve ser aplaudido de pé! Não é qualquer um que consegue se expor dessa forma. É preciso muito ego para receber todos os elogios e muito estômago para ouvir as críticas, que no caso, são muitas.
Cuenca é corajoso. Acredito que possa melhorar em um segundo filme.
Nota:

[wpdevart_youtube]WPZlsWZw500[/wpdevart_youtube]

Você também pode gostar…

Quadro por Quadro